Doria anuncia mais quatro secretários para Prefeitura de SP

Prefeito eleito já apresentou 17 de seus 22 futuros secretários.
O empresário João Doria assume mandato em 1º de janeiro de 2017.

O prefeito eleito de São Paulo, João Doria (PSDB), apresentou oficialmente nesta quinta-feira (17), no prédio da Caixa Econômica Federal, no Centro de São Paulo, mais quatro secretários que vão integrar a Prefeitura da capital paulista durante a sua gestão.

Os novos nomes são Jorge Damião, futuro secretário de Esportes; Gilberto Natalini, que vai comandar a Secretaria do Meio Ambiente; Paulo Uebel, novo secretário de Gestão; e Marcos Penido, que assume a Secretaria de Serviços e Obras, conforme o G1 havia noticiado.

Penido foi apresentado como futuro secretário na quarta-feira (16), durante reunião que formalizou o grupo de trabalho contra enchentes formado pelo governo de São Paulo e a futura gestão Doria.
“Estamos antecipando o anúncio porque ele [Penido] já chegou trabalhando. Ele tem uma responsabilidade grande dentro de seu campo de atuação na Prefeitura de São Paulo”, afirmou o prefeito eleito na ocasião.

Como outros 13 nomes já haviam sido anunciados por Doria anteriormente e o tucano já informou que vai governar com um total de 22 secretarias, 5 pastas ainda faltam ter seus titulares divulgados. O anúncio desta última leva deve acontecer na próxima quinta-feira (24).

Veja a lista dos nomes já anunciados
Saúde: Wilson Pollara, atual secretário-adjunto de Saúde do governo estadual.

Prefeituras Regionais (atual Subprefeituras): Bruno Covas, deputado federal eleito e vice de Doria.

Governo: Júlio Semeghini, coordenador de transição do governo.

Pessoa com Deficiência e Mobilidade Reduzida: Cid Torquato, atual secretário-adjunto da Secretaria de Direitos da Pessoa com Deficiência do Estado de São Paulo.

Negócios Jurídicos: Anderson Pomini, advogado da campanha de Doria.

Fazenda: Caio Megale, que era associado do Itaú até novembro de 2016.

Desestatização: Wilson Poit, ex-presidente da SP Negócios.

Transportes: Sérgio Avelleda, ex-presidente do Metrô.

Inovação e Tecnologia: Daniel Annenberg, ex-presidente do Detran e eleito vereador pelo PSDB.

Desenvolvimento Urbano: Heloísa Proença, que já foi secretária de Planejamento entre 1999 e 2000.

Assuntos Internacionais: Julio Serson, presidente de uma rede de hotéis.

Comunicação: Fabio Santos, vice-presidente da agência de comunicação CDN.

Desenvolvimento Social: Soninha Francine, jornalista e vereadora eleita.

Esportes: Jorge Damião, diretor de relações institucionais da TV Cultura e membro do conselho gestor do Sesi. Já atuou na Secretaria Municipal de Esportes, Lazer e Recreação em 2006.

Gestão: Paulo Uebel, diretor da ‘We work’, empresa de trabalho compartilhado. Foi CEO global do grupo de Líderes Empresariais (Lide), do qual Doria é fundador.

Meio Ambiente: Gilberto Natalini, vereador reeleito pelo PV pela quinta vez. Já foi secretário municipal de São Paulo, de Participação e Parceria, entre 2005 e 2006.

Serviços e Obras: Marcos Penido, funcionário de carreira da Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano do estado de São Paulo, da qual é presidente desde 2015. Já foi secretário de estado da Habitação em 2014 e secretário-adjunto de Infraestrutura Urbana da prefeitura de sp entre 2006 e 2010.

Comentários pelo Facebook